Dicas sobre carreira

5 modelos de negócio para Educação Física para começar a sua carreira na área

junho 9, 2020
modelos de negócio para educação física
Tempo de leitura 6 min

Não é novidade que o profissional de Educação Física vem sendo um dos mais requisitados atualmente. A preocupação com a saúde, seja ela física ou mental, está no topo das listas dos assuntos prioritários pelos brasileiros, principalmente no cenário que vivemos recentemente.

Além disso, as mudanças que esse setor vem passando ainda são maiores. O empreendedorismo se faz cada mais presente, aumentando as possibilidades que os formandos do setor são proporcionados.

A abertura de uma academia, uma franquia, consultoria e até mesmo aplicativos com dicas de saúde são alguns dos potenciais modelos de negócio para Educação Física que podemos seguir.

Se você é um universitário que está interessado em crescer dentro do setor, ter sua própria fonte de renda e quer conhecer melhor qual delas é a mais interessante para ser investida, continue a leitura deste artigo! Nele, listamos os 5 principais exemplos que podem ser seguidos. Confira!

Conheça 5 modelos de negócio para Educação Física 

1. Empreendedorismo

O empreendedorismo antigamente era visto como uma possibilidade para pessoas que já tinham vasta experiência no assunto. Entretanto, com a mudança dos modelos de negócio e políticas de incentivo, a possibilidade de brasileiros que buscam ter sua própria frente de renda virou uma realidade.

Em uma pesquisa encomendada em 2019, o fundo de investimentos Canary constatou que 37% dos universitários brasileiros pensam em trabalhar em startups, seja fundando ou trabalhando para uma.

Dentro da carreira em Educação Física, essa afirmativa não é diferente. Abandonando a ideia que especialistas da área devem seguir a profissão sendo empregados de organizações e sim, sendo o próprio líder do negócio. 

Assim, algumas possibilidades que podem ser seguidas devem ser analisadas de acordo com a afinidade do profissional e, também, se o cenário da região é favorável para o empreendedorismo.

2. Personal Trainer

O mercado voltado para academia está sempre em aquecimento. Muito além de apenas a busca por um bom corpo, o local é visto como uma das formas de gerar saúde, seja física, mental e até mesmo social.

Desta maneira, ser um personal trainer pode ser uma excelente oportunidade, justamente pela força que essa área tem. Esse tipo de profissional pode surgir a partir da atuação como instrutor — e o relacionamento com os alunos o leva a criar uma base de clientes. 

Entre as habilidades, podemos destacar:

  • entender as demandas de seu aluno;
  • conseguir montar as atividades de forma personalizada e individual, sabendo quais são as limitações e os objetivos de cada um.

O personal trainer ainda pode ser alinhado com outro profissional da área da saúde para auxiliar um paciente a cuidar de uma enfermidade. Por exemplo, existem muitos profissionais para a terceira idade ou atendimento a solucionar a obesidade e suas consequências.

Powered by Rock Convert

3. Franquias 

Ainda sob a perspectiva de academias, uma grande e favorável possibilidade é o setor de franquias, que está em ascensão dentro do país há algum tempo. Dados levantados pela Associação Brasileira de Academias, o Brasil é o segundo maior no segmento no mundo inteiro, gerando cerca de 10 milhões de alunos e um faturamento de US$ 2 bilhões.

O investimento em franquias é uma excelente opção para empreendedores iniciais, justamente pela estrutura de negócio que já vem construída e segmentada. Além disso, outro grande benefício é a credibilidade que a marca oferece consigo.

Com investimentos entre R$ 80 mil reais podendo ser de até R$ 2 milhões, o segmento pode trazer um retorno em, aproximadamente, 36 meses. O Brasil também tem diversas franquias já bem posicionadas, com alguns diferenciais, como atendimento personalizado, automatização de treinos, assistência nutricional e aulas de dança, alongamento e treino físico.

4. Consultoria

O mercado de consultorias é outra excelente opção para o profissional de Educação Física. As pessoas buscam ter melhores instruções do que seguir, seja em treinos para academia, melhorar a performance em uma prática esportiva específica ou até mesmo identificar uma saída para um problema de saúde. 

Geralmente, esse tipo de trabalho acontece de forma online, mas o que não significa que possa acontecer presencialmente. Além disso, a consultoria pode acontecer acompanhada de algum outro modelo de negócio para o profissional de Educação Física. 

Por exemplo, a consultoria pode ser juntamente a um personal trainer, otimizando sua atuação e o trabalho com seu cliente, somado com tecnologias, como aplicativos que aproximam a relação de trabalho e o serviço oferecido.

5. Digital Influencer

O profissional das redes sociais é uma das outras possibilidades a serem seguidas e com muitos benefícios a serem oferecidos. Hoje, com smartphones em nossas mãos e as diferentes plataformas existentes, podemos alcançar um grande público.

Você pode ser um profissional com dicas de saúde, de exercício físico, suplementação e até mesmo de outras personalidades do esporte que podem ser seguidas. O digital influencer de educação física, assim como de qualquer área, deve conhecer bem seu público e suas maiores necessidades.

Veja a importância da profissionalização da Educação Física

Assim como qualquer área, para educação física, é de extrema importância que o profissional tenha bom conhecimento do segmento que atua. Por esse motivo, a formação, desde básica à complementar, deve abordar diversos temas, como o atendimento ao paciente, empreendedorismo e, claro, a formação técnica.

Com isso, entendemos que o curso de Educação Física deve preparar muito além que um instrutor, mas uma pessoa de responsabilidade, que será responsável por garantir a saúde dos seus clientes e cuidar da sua qualidade de vida.

Como estamos falando de empreendedorismo, ele também deverá saber a importância do conhecimento de gestor de uma empresa, o que deve ser feito para que o seu negócio seja um sucesso e consiga enfrentar o mercado, que é bastante aquecido, conforme já trouxemos anteriormente neste artigo.

É fundamental buscar um ensino que una todas essas habilidades e consiga preparar seus alunos com a maior dedicação possível. Hoje, a Faculdade PM tem bacharelado em Educação Física como exemplo, assim como demais cursos da saúde, que, além de todas os conhecimentos teóricos e práticos da área, prepara os seus alunos para o empreendedorismo e os incentiva para isso.

Vamos aproveitar que estamos falando sobre modelos de negócios para Educação Física para ler um artigo sobre o mercado fitness, que reforça a importância desse setor!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário