Dicas sobre carreira

Gestão de tempo: as 6 melhores dicas para vestibulandos

abril 19, 2019
gestão de tempo
Tempo de leitura 6 min

Passar no vestibular não é fácil. Exige muita dedicação e até alguns sacrifícios. No entanto, com uma gestão de tempo eficaz, é possível se preparar melhor, conseguir mais eficiência no aprendizado e até mesmo aproveitar a vida social.

Mas o que é gestão de tempo? É conseguir empregar melhor o horário para cumprir um maior número de tarefas. Ou seja, administrar o tempo para alcançar melhores resultados e otimizar seu rendimento. Para quem vai prestar o vestibular, essa é uma capacidade essencial para aumentar as chances de sucesso.

Hoje, com cada vez mais conteúdo, concorrência acirrada, como também as dúvidas e medos do aluno, é preciso conseguir se preparar para a competição e garantir sua vaga no curso escolhido. Por isso, veja, na continuação de nosso artigo, 6 excelentes dicas de como administrar melhor seu tempo e render mais nos estudos!

1. Trabalhe com o método Pomodoro

Uma das técnicas de gestão de tempo mais conhecidas e eficazes é o método Pomodoro. Essa forma de otimização do tempo foi desenvolvida por Francesco Cirillo no final da década de 1980 e ficou famosa por ajudar na concentração aliada a descanso, com mais disciplina.

Na prática, consiste em usar um cronômetro para dividir a atividade em períodos de 25 minutos de concentração e dedicação, com intervalo de 5-10 min de descanso. Segundo o idealizador da técnica Pomodoro, o tempo de 25 minutos é ideal para manter a devida concentração em uma única tarefa e o intervalo ajuda a fixar o conhecimento na mente.

Assim, é possível otimizar os estudos e garantir melhores resultados na retenção do conteúdo. Outra dica dentro desse método para estudantes é alternar as matérias para obter melhores resultados.

2. Faça mapas mentais

Uma segunda técnica muito útil para a gestão de tempo nos estudos é fazer mapas mentais do conteúdo. Isso ajuda a fixar a matéria e também serve como um bom guia nas revisões. Com um mapa mental, é possível estabelecer também conexões mais claras entre os conhecimentos.

Para fazer um mapa mental, é preciso construir uma sequência de informações condensadas em tópicos, que se conectam umas com as outras, elucidando e mostrando uma conjectura lógica. Isso ativa a memória com mais facilidade e agiliza os processos de estudo e revisão de conteúdo.

3. Crie listas de prioridades

Outra técnica muito importante e comum de gestão de tempo é utilizar a lista de prioridades com base na urgência e importância da atividade. Para isso, é preciso categorizar as matérias, exercícios e atividades de estudo em urgentes, ou seja, que precisam ser vistas o mais rápido possível, e as importantes, que são mais relevantes para o conjunto.

Em uma tabela, indica-se nas linhas urgente e importante, assim como nas colunas. Isso formará 4 interseções: urgente e urgente; urgente e importante; importante e urgente e importante e importante, o que nos cria, em última análise 3 categorias de fato, visto que a segunda e terceira interseção são idênticas.

Assim, as tarefas que são urgentes e importantes devem ter prioridade máxima. Em seguida, as tarefas que são urgentes devem ser resolvidas, embora o ideal seja que não existam tarefas apenas urgentes. Por fim, deve-se dar atenção às tarefas importantes.

A lista de prioridades ajuda na visualização do que deve ser feito e a ordem em que essas tarefas precisam ser realizadas; por conseguinte, é uma ferramenta de planejamento muito útil para quem precisa se organizar melhor.

4. Estabeleça metas

gestão de tempo

Uma das mais importantes dicas para uma gestão de tempo eficiente é estabelecer boas metas. Isso ajuda muito a direcionar os estudos e ter em mente o tempo que será preciso para alcançá-las. Esse tipo de foco é muito importante para quem deseja passar no vestibular.

Uma meta não pode ser simplesmente uma frase genérica como “passar no vestibular”. Isso é a expectativa de todos. Objetivos devem ser específicos, determinados, com prazo e plano de execução. Assim sendo, uma boa meta seria “dominar as equações de primeiro, segundo e biquadradas em um mês”, por exemplo.

Portanto, escrever as metas das matérias a serem estudadas e revisadas pode ser uma ótima estratégia para ter consciência do esforço que deverá ser realizado e como manejar o horário para cumpri-las.

5. Organize os horários

Para uma gestão do tempo eficaz, é preciso ter horários organizados e uma rotina de estudos. Isso significa dividir o tempo para cada atividade, incluindo aqui os períodos de descanso, relaxamento e atividades físicas, por exemplo. Delimitar os horários de estudo é muito importante para se organizar e conseguir cumprir todo o conteúdo. Inclusive, a tecnologia e os apps podem ser grandes aliados nisso.

Duas dicas excepcionais e pouco exploradas quanto à organização de horário são:

  • deixar janelas em branco para imprevistos;
  • não extrapolar o horário de um dia para compensar o de outro.

Assim, deixar uma janela curinga de uma ou duas horas por dia para lidar com eventualidades pode ser uma boa maneira de se preparar para o imprevisível. E caso não seja possível cumprir todo o conteúdo de um dia, é mais produtivo usar a janela do dia seguinte do que fazer horas extras de estudo, que apenas servirão para gerar mais cansaço e ansiedade.

6. Tenha períodos de descanso

Tão importante quanto determinar o tempo de estudo é separar um tempo para descanso, exercícios físicos e lazer. Muito importantes para os estudos, ajudam no rendimento como um todo e na melhoria da retenção de conhecimento.

Uma recomendação geral é estudar de segunda a sábado e deixar o domingo como um dia livre. Estabelecer também, durante a semana, uma ou duas noites de folga, para fazer coisas relaxantes como ver Netflix, pode ser uma boa ideia. Além disso, adequar o horário para incluir uma rotina de exercícios físicos é essencial para manter o equilíbrio do corpo como um todo.

Passar no vestibular exige uma grande dedicação por parte do aluno. É preciso pensar estrategicamente, escolher o curso correto, programar os estudos e revisões das matérias e se organizar para conseguir dar conta de tudo isso. Logo, a gestão de tempo é uma habilidade primordial para qualquer estudante, para conseguir otimizar o rendimento.

Tem alguma outra dica de gestão de tempo? Ou ficou com alguma dúvida sobre as que mostramos? Converse conosco, deixe seu comentário abaixo!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário