Dicas sobre carreira

4 maneiras de entrar na faculdade com financiamento estudantil

março 6, 2020
financiamento estudantil
Tempo de leitura 5 min

Você tem o sonho de entrar em uma Instituição de Ensino Superior como aluno, mas seu principal problema é pagar a faculdade? Saiba que o financiamento estudantil pode ajudar na realização desse objetivo. Com ele, você pode fazer o curso que levará ao sucesso da sua carreira e ainda ter facilidades para pagar.

Existem diversas formas de financiar seu ensino superior, algumas até não requerem que você pague as parcelas de volta, não é ótimo? Neste post, vamos mostrar como funcionam os financiamentos estudantis, quais são eles e como conseguir cursar faculdade por meio deles. Então, confira nosso post, e boa leitura!

Como funciona o financiamento estudantil?

De maneira geral, o financiamento estudantil caracteriza-se como um empréstimo de dinheiro no valor exato do custo total do curso desejado. Assim, ao financiar a faculdade de Biomedicina ou a de Enfermagem, por exemplo, você terá valores diferentes para cada graduação. Outra característica desse produto financeiro é a forma de pagamento.

Na maioria dos casos, você tem um tempo equivalente à duração do curso para fazer o pagamento, começando a contar após a conclusão dele. É exatamente essa a vantagem mais importante para quem precisa custear seu ensino superior. Você pode estudar tranquilamente e só depois da colação de grau começará a pagar.

Porém, há outros tipos de financiamentos estudantis e funcionamentos, como a não devolução do valor pago durante o curso. Além disso, o montante que é emprestado para financiar o curso é pago diretamente à faculdade e também conforme o andamento das mensalidades, recebendo reajustes.

Quais as 4 opções de financiamento estudantil?

Você já sabe que cursar faculdade é importante para vida profissional, mas nem sempre é possível pagar com o próprio dinheiro aquele curso que mudará seu futuro. Justamente para isso que existem os financiamentos estudantis.

A seguir, você conhecerá aqueles que mais podem ajudar na realização do seu sonho!

1. Fies

O Programa de Financiamento Estudantil do Governo Federal (Fies) é o tipo de crédito estudantil mais conhecido. Por meio dele, milhares de brasileiros já realizaram o sonho de cursar o ensino superior. Esse programa é mantido e regulado pelo Ministério de Educação e Cultura (MEC), seguindo a Lei 10.260/2001.

Desde o ano de 2010 houve algumas mudanças substanciais no processo do Fies, deixando-o ainda melhor. Agora os estudantes podem:

  • requisitar participação no programa a qualquer época do ano;
  • financiar 100% o custo da faculdade;
  • ter 18 meses de carência após a conclusão do curso para iniciar os pagamentos;
  • pagar em até 3 vezes a duração normal do curso escolhido mais o acréscimo de 12 meses para completar o pagamento — por exemplo, a faculdade de Enfermagem dura 5 anos, você poderia pagá-la em até 16 anos pelo Fies.

As taxas de juros atuais do Fies giram em torno de 6,5%, sendo uma das mais baixas do mercado financeiro, uma ótima oportunidade para você iniciar seus estudos o quanto antes. É importante falar que há diferença no financiamento estudantil para professores, médicos e demais formações.

Como conseguir? A inscrição no Fies é toda feita pela internet. Basta acessar o site do sisFies, no período de inscrições, para iniciar o cadastramento das suas informações.

2. OVG

A Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) é uma instituição que atua no estado inteiro, atendendo pessoas em vulnerabilidade social e outras instituições cadastradas. O programa é uma parceria com o governo do estado e ajuda pessoas com dificuldade em arcar seus estudos.

Powered by Rock Convert

Além do critério socioeconômico, a OVG leva em consideração o desempenho acadêmico do candidato à bolsa. Também é preciso ser voluntário em uma entidade de assistência social, garantindo o fomento do programa e seu compromisso em colaborar com a sociedade.

Sendo compatível com outros créditos estudantis, não é possível concorrer a uma Bolsa Universitária da OVG se já for participante do Fies, por exemplo. Além disso, existem duas modalidade, a bolsa integral e a parcial, porém, não requer o pagamento devolutivo do investimento.

Como conseguir? A inscrição pode ser feita pelo site e é realizada semestralmente, de acordo com o calendário acadêmico de Goiás.

3. Prouni

O Programa Universidade para Todos (Prouni) é outra oportunidade mantida pelo MEC e que oferece bolsas de estudo parciais e integrais para estudantes do Brasil todo. Aqui você também não precisa fazer pagamento de parcelas após a conclusão do curso, sendo ainda uma ótima opção para não se preocupar com a faculdade.

Existem alguns critérios de participação, como usar a nota do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), ser oriundo de escola pública ou bolsista em escola particular, ter algum tipo de deficiência ou ser professor da rede pública de ensino.

É importante falar da rotina de estudos para o Enem, pois ela determina o sucesso que você terá na prova para aproveitar o Prouni. Caso você tire nota zero na redação ou tenha nota inferior a 450 pontos, já não será possível ingressar no programa.

Como conseguir? Preenchendo algum dos critérios acima, você pode se inscrever pelo próprio site, respeitando o calendário de eventos semestral para o Prouni.

4. Crédito universitário

Além dos tipos de financiamentos estudantis explicados, você pode optar pelo crédito universitário, conseguido em bancos. Mesmo aqueles do governo, como o Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, disponibilizam linhas financeiras nesse sentido. É importante dizer que cada instituição dessas tem suas regras.

Outro ponto importante é que a taxa de juros pode ser maior, além do prazo para pagamento menor. Alguns bancos disponibilizam apenas financiamento parcial, ou seja, de alguns semestres. Essa possibilidade é ótima para quem está passando por dificuldades financeiras momentâneas e pode arcar com os custos de curto prazo.

Como conseguir? É preciso entrar em contato diretamente com a instituição financeira preferida para concessão de crédito.

Independentemente do tipo de financiamento estudantil escolhido, você pode ingressar na Faculdade PM. Temos uma matriz curricular voltada para o aprendizado prático e as excelentes notas de avaliação do MEC no estado de Goiás. Em nossa instituição os alunos realmente saem preparados para o futuro.

Estamos ansiosos para colaborar no seu crescimento profissional! Aproveite e entre em contato conosco hoje mesmo!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário