Dicas sobre carreira

Enfermagem no mercado de trabalho: por que é uma área promissora?

novembro 1, 2019
enfermagem no mercado de trabalho
Tempo de leitura 6 min

A enfermagem no mercado de trabalho é uma área promissora devido ao amplo campo de de atuação. Na sua atuação, o enfermeiro aplica seus conhecimentos c, no ambiente de trabalho, junto à clientela em especial, bem como nos saberes da profissão.

Para que o futuro profissional seja reconhecido nesse concorrido mercado da saúde é fundamental manter uma rotina organizada de estudos , buscando aprimorar o conhecimento adquirido.

Quer saber porque a enfermagem no mercado de trabalho é uma área tão promissora? Então, fique por aqui e saiba mais!

A crescente demanda no mercado de trabalho

O enfermeiro representa um braço importante e indispensável ao funcionamento ideal de todo o sistema de saúde do país. Compete a este profissional a observação, o cuidado e a educação do paciente, visando identificar problemas com a saúde, oferecer assistência adequada e educar, de forma a proporcionar ao cidadão, consciência da importância da prevenção na melhora das condições de saúde da comunidade de modo geral. 

Sendo assim, com o aumento crescente por serviços clínicos é essencial a contratação de enfermeiros conforme preconizado pelas entidades representativas de classe e pela legislação brasileira.

A importância do enfermeiro na assistência a saúde

enfermagem no mercado de trabalho

A equipe de enfermagem é a maior dentro de um estabelecimento hospitalar, por isso é fundamental que os enfermeiros supervisores acompanhem diariamente o trabalho exercido pelos técnicos assistenciais. Dessa forma, eles são responsáveis por monitorar os dados vitais do paciente, realizar punções venosas, otimizar a administração de medicamentos, acompanhar e tratar as lesões por pressão, por exemplo.

O Enfermeiro exerce todas as atividades de enfermagem, cabendo-lhe:

a) direção do órgão de enfermagem integrante da estrutura básica da instituição de saúde, pública e privada, e chefia de serviço e de unidade de enfermagem;

b) organização e direção dos serviços de enfermagem e de suas atividades técnicas e auxiliares nas empresas prestadoras desses serviços;

c) planejamento, organização, coordenação, execução e avaliação dos serviços da assistência de enfermagem;

O enfermeiro tem como responsabilidade interpretar a prescrição médica e articular as decisões perante o serviço de farmácia e a equipe médica, além de interagir com outros profissionais de saúde conforme a complexidade da condição clínica.

Os benefícios do reconhecimento da atuação do enfermeiro

As vantagens de ser um enfermeiro com um excelente currículo se referem à credibilidade na atuação, reconhecimento por parte da equipe de técnicos e de outros profissionais de saúde, além da possibilidade de assumir cargos de gerência.

A gerência de enfermagem demanda por conhecimentos administrativos, econômicos e assistenciais, tornando o profissional reconhecido por essas habilidades e gratificado financeiramente por isso. Nesse cargo é importante desenvolver competências para lidar com funcionários na forma de liderança positiva e aperfeiçoar a forma de trabalho no ambiente.

Vestibular Faculdade PMPowered by Rock Convert

Assim sendo, o enfermeiro com formação acadêmica de relevância é requerido por diversas instituições de saúde e assume posições hierárquicas bem valorizadas nos contextos em que ocupa.

A eficiência em seus serviços avaliada pela possibilidade de melhorar a saúde do paciente, reduzir os danos causados pelos procedimentos e evitar processos desnecessários são atitudes que diminuem os custos, deixando os gestores satisfeitos com essa atuação.

Os fatores que influenciam na formação técnica do enfermeiro

Qualquer profissional de saúde deve se dedicar integralmente para alcançar os seus objetivos. No entanto, a dedicação deve estar associada à construção de conhecimentos em uma universidade conceituada.

Nesse sentido, é interessante que o futuro enfermeiro busque informações sobre a avaliação da instituição de ensino, tanto aqueles relacionados ao atendimento dos requisitos preconizados pelo Ministério da Educação quanto pelas opiniões dos alunos já matriculados.

Outro ponto importante nessa análise é a verificação da infraestrutura referente às salas de aula, da biblioteca com diversidade de livros para estudo, condições de funcionamento dos laboratórios específicos para essa atuação etc.

Isso porque existem disciplinas que devem ser ministradas com bonecos para simular um atendimento de emergência e outras que requerem peças anatômicas em bom estado de conservação para facilitar a identificação das partes do organismo.

O espaço dos laboratórios deve ser amplo e confortável com número suficiente de materiais, reagente e computadores com software modernos para que os alunos consigam aproveitar a aula.

Os critérios para a escolha de uma boa universidade

Além dos fatores mencionados, o estudante interessado em cursar enfermagem deve pesquisar sobre a matriz básica e optativa. A matriz deve conter o rol de disciplinas básicas tais como: anatomia, fisiologia, farmacologia, biologia celular e tecidual com carga horária suficiente para a assimilação dos conceitos.

Da mesma forma, é essencial contar com disciplinas específicas que abrangem as especialidades tradicionais como atuação nos centros cirúrgicos e intensivos, oncologia, neonatologia, pediatria etc. Disciplinas optativas são aquelas que podem despertar interesse para outros campos de atuação e devem ser ofertadas frequentemente.

Outro ponto crucial é levantar informações sobre o corpo docente. Professores com experiência clínica podem contribuir significativamente para a formação do aluno, dada a possibilidade de demonstrar os casos clínicos vivenciados e solicitar um raciocínio condizente com os conhecimentos adquiridos.

Eles também exploraram processos relacionados à sistematização da assistência a enfermagem, inserção de cateteres intravenosos, administração de medicamentos, acolhimento humanizado do paciente entre outras questões relevantes para a prática da enfermagem.

Além disso, o aluno deve averiguar quais instituições de saúde são conveniadas com a universidade, para a realização de estágios curriculares, facilitando o crescimento profissional e a maturidade do aluno.

Sendo assim, quem se matricula em uma universidade bem-conceituada e localizada, com infraestrutura para o aprendizado e um corpo docente qualificado será bem avaliado no mercado de trabalho e formará uma rede de bons contatos profissionais.

A enfermagem é uma profissão bastante requerida nos dias de hoje, e a sua inserção no mercado de trabalho é certa, desde que o graduado tenha um conhecimento sólido sobre os processos assistenciais, uma vivência obtida nos estágios desde o início do curso e que tenha desenvolvido competências para as relações pessoais, entre outras habilidades. Para tanto, é aconselhável que o futuro aluno faça uma avaliação do desejo de cursar enfermagem e uma pesquisa sobre as faculdades.

E você, ficou interessado em se realizar profissionalmente e investir nessa área? Então, veja mais detalhes sobre o nosso curso de Enfermagem!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário