Enfermagem

Quais as possibilidades de atuação na Enfermagem em Urgência e Emergência?

maio 12, 2021

Assim como em todas as áreas dessa carreira, a Enfermagem em Urgência e Emergência é um campo que exige muita atenção dos estudantes e profissionais. É comum lidar, nessa área, com situações mais complexas e decisivas quanto à vida do enfermo. Portanto, quem decide trabalhar nesse campo de atuação, tem uma enorme responsabilidade com os pacientes.

Nesse sentido, podemos destacar a importância do papel do enfermeiro com conhecimento nesse campo. Afinal, situações complicadas podem acontecer ou surgir em todos os hospitais ou demais instituições de saúde. Além disso, muitas vezes é esse profissional que prestará os primeiros socorros, para assim o médico, em seguida, tomar as providências de sua competência.

Então, se você tem interesse em atuar na Enfermagem em Urgência e Emergência, continue esta leitura para conhecer as formas de trabalho!

Assistência à emergência obstétrica

Na Enfermagem em Urgência e Emergência, pode não parecer, mas são comuns as situações de risco à gestação, desde as primeiras semanas, que podem acarretar na morte do feto e da mãe.

Além disso, ter hemorragia relacionada à gravidez pode acontecer, contudo não apenas nos hospitais, como nas clínicas médicas. Por isso, o enfermeiro deve ter a capacidade de identificar esse problema, o quanto antes, para prestar os primeiros socorros e a orientação necessária.

Atendimento pré-hospitalar

Quando o paciente procura por uma unidade hospitalar, geralmente é o enfermeiro quem prestará os primeiros atendimentos. Nesse caso, ele fará a triagem e identificará de forma primária o quadro de gravidade do enfermo, para assim prestar os devidos cuidados o quanto antes.

Portanto, é ele quem faz o acolhimento do paciente, realiza os primeiros procedimentos e direciona a pessoa para um local adequado às suas necessidades.

Atendimento à vítima de trauma

Socorrer pacientes vítimas de acidentes domésticos, automotivos ou de violência é rotina dos profissionais de Enfermagem em Urgência e Emergência. Além disso, os pacientes com trauma podem ter qualquer idade. O profissional deve ter muito conhecimento e habilidade para lidar com cada tipo de traumatismo e propor as medidas mais seguras para evitar sequelas, como perda de movimento ou membro(s).

Suporte básico e avançado de vida

Esses procedimentos são também identificados pelas siglas SBV e SAV, que se relacionam diretamente com situações básicas ou avançadas de urgência. Nesse sentido, o paciente que precisa de atenção imediata, como paradas cardiorrespiratórias, por exemplo, passa por uma sequência de ações feitas pela equipe de enfermeiros para evitar a morte.

O suporte básico de vida envolve manobras não invasivas, já o avançado é invasivo e pode necessitar de aparelhos, como circulatório e ventilatório.

Estudantes e futuros profissionais que querem atuar na Enfermagem em Urgência e Emergência precisam ser muito habilidosos e ter conhecimentos tecnológicos e humanos para tratar situações extremas. Nesse sentido, a agilidade e o raciocínio também são fundamentais, afinal, qualquer ação pode ser decisiva para salvar vidas e evitar a piora do paciente.

Se você gostou deste artigo, aproveite para seguir nossas redes sociais e ficar por dentro de mais conteúdos sobre a carreira de Enfermagem e outras relacionadas à saúde. Estamos no Facebook, Instagram, LinkedIn e Twitter!

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.