Dicas sobre carreira

Você conhece a conduta e os valores militares?

junho 7, 2019
conduta e valores militares
Tempo de leitura 6 min

Seguir a carreira militar é um sonho para muitas pessoas. Outras, ainda que não desejem ingressar nas forças militares, admiram a conduta e valores militares, que são defendidos nos ambientes militares.

Prova disso é a procura por escolas militares, que tem crescido nos últimos tempos, afinal, em uma sociedade em que tantos valores vêm se perdendo, uma boa educação é a chave para a formação de cidadãos de bem.

Há pessoas que estudam nessas escolas desde a infância e, por tanto admirarem a formação que elas proporcionam, optam também por faculdades militares. Dessa forma, discorrem estudos que abordam muito mais do que as disciplinas pontuais, que serão utilizadas no exercício da profissão escolhida.

Podemos considerar que uma formação só é completa quando aborda também aspectos que fogem às matérias convencionais. Para você entender melhor de que conduta e valores militares estamos falando, listamos abaixo os principais. Acompanhe!

Patriotismo

Você ama a sua pátria? A maioria das pessoas responderia sim a essa pergunta, sem pestanejar. É claro que contamos com algumas exceções que citariam os problemas que o nosso país vem enfrentando, mas ainda assim defenderiam as vantagens que ele apresenta em comparação com outros.

Entretanto, muitos não compreendem o que é, de fato, amar a pátria. Até onde você estaria disposto a ir para defendê-la? Você daria a sua vida por ela se fosse preciso?

São essas as questões abordadas pelo patriotismo. A soberania, a integridade territorial, a paz social e a unidade nacional devem ser defendidas por quem ama verdadeiramente o seu país.

Quem segue a carreira militar, inclusive, faz um juramento de ser fiel à pátria ainda que isso implique no “sacrifício da própria vida”. Dessa forma, fica incumbido de cumprir com esse juramento e os deveres militares. Aliás, o desejo de servir a pátria deve ser plantado no coração.

conduta e valores militares

Civismo

Nossa pátria tem valores e tradições históricas que merecem ser valorizados. Os símbolos nacionais precisam ser exaltados. A história do nosso país deve muito a militares que, no passado, arriscaram a própria vida por ele e isso deve ser levado ao conhecimento dos nossos jovens, para que eles tomem esses verdadeiros heróis nacionais como exemplo de luta por justiça.

O civismo inclui ainda a participação entusiasmada de solenidades cívico-militares, o culto aos patronos e a comemoração, com consciência, de datas históricas que marcaram a evolução do nosso país. Além de incorporar o civismo como parte de sua rotina, quem segue a carreira militar tem a missão de ajudar a disseminá-lo por toda a sociedade.

Fé na missão do forças militares

Você já ouviu falar que, para ser bem-sucedido, em qualquer que seja a área, é preciso acreditar e amar o que faz? Pois bem, fazer parte das forças militares segue mais ou menos as mesmas premissas. É necessário ter total consciência da importância da missão das forças militares atualmente e estar disposto a abraçá-la com toda a alma.

Amar a pátria e as forças militares e entender por que defendê-la — até mesmo com a própria vida — é a chave para ser bem-sucedido nas missões propostas. Os poderes constitucionais, a lei e a ordem devem ser sempre exaltados, tudo isso para que o desenvolvimento do país se torne possível.

Um dos grandes segredos para cumprir corretamente essa missão é entender o seu principal objetivo, que é esse desenvolvimento. Muitas vezes será necessário participar até mesmo de ações internacionais.

Amor à profissão

Você construiria uma carreira baseando-se apenas no retorno financeiro que ela é capaz de trazer? Faria algo que não gosta pela vida inteira apenas porque isso proporcionaria certos confortos para você e sua família?

Pode até ser que você responda sim a essas perguntas, mas agir dessa forma significaria estar fadado a uma vida infeliz, na qual as obrigações seriam muito maiores do que os prazeres.

Hoje em dia, prega-se muito a premissa de amar o seu trabalho e tal questão não é diferente para quem segue a carreira militar. Dedicação, entusiasmo, motivação, espírito de sacrifício e apreço pelo trabalho bem-feito devem fazer parte do dia a dia desses profissionais.

Um verdadeiro militar vibra com a sensação de missão cumprida, a cada vez que consegue obter um bom desempenho nas tarefas que lhe são propostas.

Espírito de corpo

No ambiente profissional de hoje em dia, ouve-se falar muito também em “espírito de equipe”. Cada profissional deve ter a consciência de que não age sozinho, mas inserido em um grupo e um contexto, ao qual precisa adequar-se.

Nas forças militares, chamamos essa questão de “espírito de corpo”. O militar precisa ter orgulho do Exército, da sua profissão e dos seus companheiros de jornada.

A tropa deve ser coesa, na qual a compreensão e o auxílio mútuo estejam implícitos entre os membros. Essa união pode ser explicitada por meio de lemas, gritos de guerra e canções. Do ponto de vista prático, podemos considerar que os valores e as tradições da organização à qual o militar serve precisam ser sempre cumpridas e exaltadas.

Aprimoramento técnico-profissional

Embora o amor à profissão e à missão sejam fundamentais, não é só desses sentimentos que vive as forças militares. É preciso, além de tudo isso, ter uma boa formação técnica-profissional.

Por essa razão, o militar deve manter-se em constante aprimoramento, por meio de estudos relacionados à sua área de atuação. Aliás, formar-se em uma Faculdade Militar ajuda o profissional a adquirir esses conhecimentos, ao mesmo tempo que incorpora os valores e princípios que citamos.

Da parte do estudante, é necessário dedicar-se, de fato, às matérias propostas, buscar leituras complementares de temas relacionados as forças militares e que despertem o seu interesse, empenhar-se sempre e buscar também conservar e desenvolver a sua capacitação física. Dessa forma, é possível tornar-se um militar em aprimoramento contínuo, que certamente honrará a sua missão.

Como vimos, os valores militares são muitos e podem ser incorporados ao dia a dia de qualquer pessoa, especialmente daquelas que sonham fazer parte das forças militares. Quando a introdução da conduta e valores militares começa ainda na infância ou juventude, fica mais fácil compreendê-las e levá-las para o dia a dia.

Se este post foi útil para você, não deixe de curtir a nossa página no Facebook e tenha acesso a muitas outras publicações.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário