Dicas sobre carreira

Afinal, o que é intercâmbio cultural?

setembro 3, 2019
o que é intercambio cultural
Tempo de leitura 5 min

Você já sabe o que é intercâmbio cultural? Trata-se de uma viagem feita por intercambistas — geralmente, estudantes matriculados em algum tipo de curso — para outro país com o intuito de melhorar seu currículo. Justamente por isso, acabam ficando em casa de famílias de outros estudantes que participam do mesmo programa.

Então, basicamente, as famílias que se voluntariam para receber os estudantes também enviaram seus filhos e netos para fazerem curso no exterior. O objetivo de um intercâmbio cultural é aprender costumes, idioma e tradições da região para onde se viajou.

Ficou interessado e quer saber se você tem os critérios para ser um intercambista? Só acompanhar o post, pois contaremos tudo! Boa leitura.

Intercâmbio para estudar idiomas

Sabia que esse é um dos tipos de intercâmbio cultural mais procurados? O objetivo é aprender o idioma nativo do país para onde você quer viajar. Para isso, a matrícula pode ser feita aqui no Brasil mesmo. Essa experiência garante alguns certificados, caso faça os cursos preparatórios. Eles são o TOEFL, IELTS e DELE.

  • Para quem: qualquer pessoa maior de 16 anos e matriculada em um curso de idioma;
  • Duração: mínimo de 2 semanas e máximo de 1 ano.

Formato para ensino médio

Esse é outro tipo de intercâmbio cultural muito procurado. Ele tem limitação de idade, por motivos óbvios, e também é preciso estar matriculado no ensino médio. Os países aos quais você pode ir são:

  • maioria da Europa;
  • Estados Unidos da América;
  • Canadá;
  • Portugal;
  • Espanha;
  • Austrália;
  • Nova Zelândia;
  • Argentina;
  • Uruguai;
  • Japão.

Durante o período em que estiverem fora, os estudantes aprendem as mesmas matérias, basicamente, que aprenderiam no Brasil. Claro que há algumas variações, como nos Estados Unidos, onde há ensino de aulas extras curriculares de mecânica.

  • Para quem: qualquer estudante matriculado no ensino médio e com idade entre 14 e 19 anos;
  • Duração: mínimo de 2 semanas e máximo de 1 ano.

Intercâmbio cultural com voluntariado

São muito conhecidos como volunteer program e esses intercâmbios são para quem já adulto e que quer encontrar sua vocação.

Outras pessoas que participam dessa experiência também estão procurando colocar em prática seus aprendizados, como os estudantes de Biomedicina ou de Enfermagem que acabam voluntariando-se para lugares necessitados.

Nesses casos, não há famílias que recebem, são as próprias ONGs e programas de voluntariado que destinam os abrigos e moradias.

  • Para quem: qualquer pessoa maior de idade e ligada a uma ONG;
  • Duração: mínimo de 2 semanas e máximo de 1 ano.

Modelo para graduação e pós-graduação

o que é intercambio cultural

Existem dois diferentes tipos de intercâmbios culturais destinados para estudantes universitários. Você precisa estar matriculado em uma Instituição de Ensino Superior (IES) para participar de programas desse tipo.

Work & Study

Nesse tipo de programa, os universitários que querem trabalhar e estudar ao mesmo tempo são bem-vindos. Por isso, o tempo mínimo é de um semestre de curso. Como são estudantes vinculados a uma IES, muitos ficam em casas de famílias voluntárias ou em residências da própria universidade.

Para quem quer fazer pós-graduação, funciona da mesma forma, porém a duração é diferente. Veja:

  • mestrado com duração de 3 anos;
  • doutorado com duração de 4 anos.

A única exceção dessa regra é a pós-graduação para quem fez Administração de Empresas, pois essa pessoa fará o MBA (Master in Business Administration — ou Mestre em Administração de Empresas). Ele é equivalente ao mestrado brasileiro, mas com duração de apenas 2 anos.

  • Duração: mínimo de 6 meses e máximo de 4 anos (conforme a modalidade).

Work & Travel

Esse modelo de intercâmbio é destinado a universitários de férias e você pode se candidatar na sua própria universidade. Por isso que a duração máxima é de um semestre, pois você pode trancar o curso nesse período e dedicar-se a conhecer outra cultura. Muitas vezes, como pode trabalhar, é o momento de fazer um estágio no exterior.

  • Duração: mínimo de 2 semanas e máximo de 6 meses.

Intercâmbio Au Pair

O programa Au Pair é destinado para pessoas que querem trabalhar como cuidadores de crianças e serem vinculados à família que os recebe. A duração do trabalho é de 45 horas semanais e você acompanha toda a rotina da familiar, como levar e buscar na escola, atividades de lazer e refeições dos pequenos.

Além disso, os países mais comuns para esse modelo de intercâmbio são os Estados Unidos e alguns da Europa, como Inglaterra, França, Espanha e Portugal.

  • Para quem: pessoas solteiras maiores de idade e até 30 anos, sem filhos e com nível de inglês intermediário;
  • Duração: programa de 1 ano.

Intercâmbio profissional

Trabalhar fora do Brasil, ganhando experiência em sua formação acadêmica, é possível. O intercâmbio profissional é justamente isto: você pode estar vinculado a uma empresa ou matriculado em um curso de profissionalização. Por exemplo, digamos que você acabou de se formar em Educação Física.

Um bom curso de intercâmbio profissional para você seria na área de dança ou postura no trabalho. Tudo depende do tipo de especialização que se deseja para o currículo profissional.

  • Para quem: qualquer pessoa já formada em um curso superior;
  • Duração: mínimo de 2 semanas e máximo de 1 ano.

Programa para cursos alternativos

Os cursos alternativos podem ser vários: desde culinária, fotografia, direção de filmes até escrita criativa. Para isso, você precisa estar matriculado em um desses cursos (muitos aceitam a matrícula pela própria internet).

  • Para quem: qualquer pessoa maior de 16 anos e matriculada em um curso alternativo;
  • Duração: mínimo de 2 semanas e máximo de 1 ano.

Agora você já sabe o que é intercâmbio cultural, porém, não se esqueça de conferir os requisitos de cada um. Isso é importante porque impacta no tipo de visto que você precisa tirar, assim como os documentos que precisa ter. Todos eles exigem que você esteja vinculado a alguma instituição — ensino superior, ensino médio, ONG, empresa ou escola de idiomas.

O que você achou do nosso post sobre os diferentes tipos de intercâmbios culturais? Siga-nos nas redes sociais e não perca nosso conteúdo de vista. Estamos no Facebook, Instagram e LinkedIn!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário